21 de ago de 2016

27 de jun de 2016

linhas flexíveis


"Pero en una línea flexible no sólo podemos encontrar los mismos peligros que en una línea dura, 
aunque estén miniaturizados, disseminados o más bien molecularizados 
(...) Edipos comunitarios(...) 
las líneas flexibles también producen y tienen que afrontar sus proprios peligros.
No habíais tomado suficientes precauciones"

G. Deleuze y Claire Parnet

16 de jun de 2016






algo caía em silêncio...minha última palavra foi EU
Alejandra Pizarnik

5 de jan de 2016


mulungu . mandú. mondrongo. mamulengo. molengo

2 de jan de 2016

funfun dúdú





“O feiticeiro mostra a pele que desejar: 
se mostrar pele clara hoje, amanhã mostrará pele escura”, 

16 de nov de 2015

rastros do ingovernável


A arte tornou-se pós-autônoma em um mundo que não sabe o que fazer com a insignificância ou com a discordância de relatos. Estamos longe dos tempos em que os artistas discutiam o que fazer para mudar o mundo ou ao menos representar suas transições revelando o que "o sistema" escondia. Mal conseguem agir (...) A arte trabalha agora nos rastros do ingovernável.

Néstor García Canclini - A Sociedade sem Relato

3 de nov de 2015

Editora


Editora Movimento Contínuo vai marcar presença na Pré-Balada Literária em Salvador 
no próximo dia 7 de novembro
Será lá na Barroquinha.....os livros estarão no stand da Boto cor de Rosa